Tipos de cachos: como cuidar e quais produtos usar desde o 2b até o 4c

Levanta a mão no seu lugar se você também se sente um pouquinho perdida sempre que passa na seção de produtos pra cabelo na farmácia e dá de cara com as milhares de opções de produtos que ficam por lá. Se antigamente a gente comprava o primeiro shampoo que aparecia na prateleira, hoje em dia não é bem por aí que as coisas funcionam: todo mundo já sabe que cada tipo de cabelo pede um cuidado diferente. Mas tá aí a treta: QUAIS cuidados específicos são esses? Hoje a gente tá aqui pra responder a essa pergunta e te deixar sabendo direitinho sobre todas as necessidades e quais produtos usar pra cuidar de cada tipo de cacho. Bora ver?

As donas de cabelos ondulados (tipos 2b e 2c) brigam com raiz oleosa e pontas ressecadas

Entre todos os tipos de cabelos existentes, os ondulados, da família 2b e 2c são os que mais ficam "em cima do muro": ao mesmo tempo em que a raiz tende a ser oleosa, as pontinhas são mais secas e cheias de frizz. Isso super atrapalha na hora de definir quais são os tratamentos que efetivamente funcionam, mas o que não falta é truque pra fazer dar certo. Na hora de aplicar os cremes de tratamento e condicionadores, por exemplo, você não pode nem sonhar em deixar ele chegar perto da raiz pra que ela não fique ainda mais oleosa. Pra você, os cremes pra pentear e condicionadores precisam ser dos mais leves, à base de proteínas, como a queratina. Eles vão hidratar as pontinhas sem deixar o cabelo pesado e também podem te ajudar a controlar o frizz. Pra definir, você pode amassar os fios de baixo pra cima durante a aplicação do creme pra pentear (se você passar esticando as mechas eles provavelmente vão ficar quase lisos) ou deixar o cabelo preso num coque por um tempinho logo depois de finalizar. Ah, e pra lidar com o frizz depois de seco, tenha sempre um óleo finalizador levinho na bolsa: ele vai salvar a sua vida!

Quem tem cachos abertos (tipos 3a, 3b e 3c) precisa de MUITA hidratação

No que se trata de cuidados com as madeixas, a palavra de ordem da vida das cacheadas que têm o cabelo tipo 3 é hidratação! Como o formato em espiral dos fios faz com que a oleosidade do couro cabeludo tenha dificuldade de chegar até as pontas, é normal que eles sejam levemente mais secos. Pra repor essa falta d’água, as hidratações devem ser regulares, feitas pelo menos uma vez por semana, com produtos à base de extratos naturais. Já na hora de finalizar, o que vai determinar qual creme usar é o resultado final que você tá querendo: os cremes mais leves, à base de proteínas são perfeitos pro dia em que você quer arrasar com o volume, já os produtos que são feitos à base de óleos ficam pros momentos de ter aquela definição matadora.

A mulherada que tem o cabelo crespo (tipos 4a, 4b e 4c) não pode ficar sem a nutrição

Na hora de comprar os produtos de cuidados com os cabelos, tudo o que as manas crespas de fios tipo 4 precisam é de óleos! Isso acontece porque como a fibra capilar crespa é super seca, a luta contra o ressecamento e o frizz precisa rolar quase que diariamente. Na hora de aplicar os cremes de tratamento e condicionadores, você não precisa ter medo de chegar perto da raiz: dificilmente ela vai ficar oleosa, de qualquer forma. Já no momento de finalizar, divida as madeixas em várias mechas pra você ter certeza de que o cabelo todo tá com creme pra pentear. Ah, e não dá pra deixar de lado os truques pra driblar o fator encolhimento naquele dia em que você tiver querendo o cabelo um pouquinho mais comprido: prender as madeixas num coque ou afro puff bem justinho ajuda, mas usar o secador na raiz dando uma esticadinha nas mechas é A dica perfeita (sem deixar o protetor térmico de lado, ok?). 

Publicado por: Ariel Cristina Borges 

Publicado em: Quarta-feira 28 de fevereiro de 2018 - 14h00

Destaques da Semana

Escolha o seu humor do dia e veja as dicas para ficar sempre pronta!

  • Me Achando
  • De Boas
  • Precisando de uma força
  • Tensa

#GarnierBrasil

GarnierBrasil
Ir para o topo