Segunda chance: os vacilos que essas três já PERDOARAM num relacionamento não é pra qualquer uma

Ter um parceiro de vida é ótimo por vários motivos, mas fala se não tem hora que dá vontade de ma-tar aquela criatura linda? Aí a gente respira fundo, lembra que do nosso lado também não tem perfeição e dá um “vale-vacilo” pro cara. #quemnunca? Mas você também fica na dúvida de saber se tá dando mole demais? Pra saber como andam os relacionamentos por aí, perguntamos lá no Instagram quais foram os piores deslizes já perdoados pelas nossas seguidoras e, olha, tem chumbo grosso na lista.

Leandra Cristina (@leandracristinamoreira) - Trocar o seu nome pelo da ex é sacanagem

Mesmo namorando por 8 meses, o namorado da Leandra chamou ela pelo nome da ex.

São tantos apelidos que a gente bota no namorado (e vice-versa) que é até normal bater o branco no nome REAL dele de vez em quando, né? Agora chamar pelo nome da ex… é sentença de morte. A Leandra Cristina contou que eles tavam na rodoviária quando o namorado acabou encontrando um amigo. Na hora de apresentar os dois, eis que o querido solta a pérola: “Essa aqui é a minha namorada, Juliete”. Pois é, subiu raiva até aqui na gente. Ainda bem que a Leandra é maravilhosa, segura de si e saiu por cima. No fundo isso é bobagem, né? Mas uma coisa a gente garante: o esperto NUNCA MAIS vai fazer isso de novo!

Eduarda Hellem (@dudahellemblog) - "O maior vacilo dele foi beber até cair na casa dos meus pais e eu ainda ter que cuidar ¬¬"

Foi numa festa de família que o boy da Eduarda bebeu um pouco (muito) a mais e acabou sobrando pra ela cuidar dele no final.Eduarda Hellem

Imagina aí: você tá num churrasco com a família TODA + o namorado. Aí teu boy começa a tomar um golinho aqui, outro ali e quando você vê a criatura já tá derrubada com todos os seus parentes vendo isso. Foi o que aconteceu com a santa Eduarda Hellem, rainha da paciência: “Era uma despedida pra pessoas da minha família, veio gente até de longe. Ele ficou muito, muito bêbado mesmo e no final eu tive que cuidar dele, porque já tava passando mal e não conseguia ficar nem de pé,” contou. Ele ouviu bastante no dia seguinte? COM CERTEZA. Mas no final ela perdoou o vacilo do boy e eles continuam juntos (e ele sóbrio) até hoje.

Renata Adão (@adaorenata) - Perdoar traição que resultou em filho não é pra qualquer uma

A Renata descobriu que o namorado tava traindo ela, mas depois de muita conversa eles conseguiram se acertar e hoje estão casados.

A traição é uma bola fora que a maioria das mulheres não perdoa (e nem tem que perdoar mesmo se você não quiser!), mas às vezes, quando ainda tem amor no meio, o jeito é conversar muito e pensar se vale dar uma segunda chance pro cara. Com a Renata Adão a história é exatamente essa. Quando ela e o marido ainda tavam namorando, ele conheceu uma outra pessoa num bar e ficou junto com ela por 6 meses!!! O resultado foi que essa outra mulher ficou grávida e a Rê acabou descobrindo tudo junto: tanto a gravidez quanto a traição. É difícil pensar em outra reação que não seja nunca mais olhar pra cara dessa pessoa, mas ó: depois de muita conversa, a Renata passou por cima e diz que não se arrepende. “Voltamos, mas não era a mesma coisa. Toda vez que ele me tocava, eu sentia raiva. Foi aí que eu procurei cuidar do meu interior e o perdão veio com o tempo. Nos casamos há 8 anos, estamos juntos há 15 e temos uma filha de 13 anos. A traição ficou no passado e hoje sou muito feliz, ele cuida muito da nossa família e cuida muito de mim” disse.

Já que a gente tá falando de antes e depois (do perdão), dá uma olhada nessas gatas que mudaram de vida depois da transição capilar e mostraram pra gente as suas transformações.

Publicado em: Sexta-feira 24 de fevereiro de 2017 - 18h15

Destaques da Semana

Escolha o seu humor do dia e veja as dicas para ficar sempre pronta!

  • Me Achando
  • De Boas
  • Precisando de uma força
  • Tensa

#GarnierBrasil

GarnierBrasil
Ir para o topo