Nem tão magro assim: cientistas dizem que alimentos light engordam muito mais do que os naturais

Se você é dessas que já entra no mercado #focada na parte das comidinhas lights pra se manter na dieta, gata, pode ser que a gente tenha uma notícia meio ruim pra te dar. Em maio deste ano, a revista científica gringa "Physiology and Behavior" (Fisiologia e Comportamento, em português) publicou um estudo da Universidade da Geórgia, nos Estados Unidos, que relaciona o consumo desses alimentos ao ganho de peso. Sim, isso quer dizer que, talvez, você e mais um monte de gente tão fazendo tudo ao contrário há tempos, mas calma: vamos explicar direitinho aqui embaixo.

Nem tão inofensivos assim

Segundo um professor da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade da Geórgia, a treta que rola com os alimentos light é a seguinte: por terem um percentual de gordura bem baixo ou nulo, a quantidade de açúcar que entra nessas comidinhas durante o processo de fabricação é bem alta. Só que as indústrias colocam nomes estranhos e totalmente diferentes na composição das embalagens pra dar uma enganada na galera na hora de comprar. O resultado é que esse tipo de alimento, além de não emagrecer, não é nada saudável, pode sobrecarregar o fígado e levar à obesidade por causa do excesso de açúcar #socorro.

Se liga em como eles descobriram isso

A equipe de cientistas analisou por um mês o peso, a composição corporal, o consumo de calorias e amostras de fezes de três grupinhos de ratos diferentes. O primeiro grupo foi alimentado com uma dieta cheia de gordura e açúcares, o segundo teve um cardápio menos gorduroso e mais doce (como acontece com os produtos light) e o terceiro, uma alimentação balanceada. No decorrer das quatro semanas, eles perceberam que os dois primeiros grupos engordaram e produziram o dobro de gordura do que o terceiro, que recebeu a dieta mais natural. Sim, esse é o momento em que a gente já pode sentar e chorar por causa da enganação que rolou por tanto tempo na nossa vida!

Ainda dá pra reparar!

Os ratinhos que tiveram acesso à alimentação balanceada foram os que comeram mais alimentos naturais. Trazendo isso pro nosso cardápio humano, quer dizer que, ao invés da gente se encher das comidinhas light industrializadas, é melhor olhar com mais carinho pras comidas DE VERDADE na hora de tentar emagrecer. Vale dar uma chance pras frutas, verduras, legumes e, literalmente, viver do que a natureza dá pra gente pra conseguir eliminar uns quilinhos. No fim das contas, isso é bem mais fácil do que a gente imagina!

Uma mudancinha de vez em quando cai MUITO bem e não só na alimentação: no cabelo também! Dá uma olhada nesse teste rapidinho pra saber se um corte curto vai ficar bom em você!

Publicado em: Quinta-feira 08 de junho de 2017 - 18h07

Destaques da Semana

Escolha o seu humor do dia e veja as dicas para ficar sempre pronta!

  • Me Achando
  • De Boas
  • Precisando de uma força
  • Tensa
Ir para o topo