Cansada de não encontrar mais roupas que cabiam nela, essa empresária criou sua própria marca plus size

Sabe aquela sensação de entrar numa loja e não encontrar uma roupa que fique legal na gente? É péssima e, infelizmente, a maioria das mulheres já sentiu isso pelo menos uma vez na vida - que o diga a empresária Mariana Camargo. Cansada de viver o dilema da falta de roupas com a sua cara no armário, ela resolveu criar a sua própria marca plus size - a Clamarroca (@clamarrocaplus) - pra atender as demandas que ela mesma tinha! Isso é que é exemplo de girl power, né não? Dá só uma olhada na história dela:

Tudo começou quando a Mariana comprou, pela primeira vez, numa loja plus size

Quem olha o sucesso que a marca da Mariana anda fazendo na internet (já mais quase 10 mil seguidores no Instagram!), nem imagina que ela começou praticamente ao acaso, sem nenhum tipo de planejamento. É que, até dezembro de 2015, ela nunca tinha entrado numa loja voltada exclusivamente para mulheres plus size. Mas também, quando entrou, nunca mais quis saber de nenhuma outra. “Me senti incrível sem esforços, sem precisar pular pra vestir uma peça ou suar pra servir em uma blusa. Tudo caiu bem!”, lembrou.

A empolgação com a novidade foi tanta, que ela chegou até a estudar pra virar consultora de estilo e atender outras mulheres que viviam dilemas parecidos com os seus. Foi vivendo nesse mundo que ela começou a perceber que o mercado, na verdade, ainda não dava pra mulherada o que elas tavam realmente querendo. “Se oferecia muito pouco para as expectativas das mulheres gordas, que só queriam a roupa da mulher magra”, disse.

  • A Mariana é a maior prova de que padrões foram feitos pra serem quebrados, né não?

    A Mariana é a maior prova de que padrões foram feitos pra serem quebrados, né não?

  • As camisetas da marca da Mariana contam com várias mensagens de autoaceitação

    As camisetas da marca da Mariana contam com várias mensagens de autoaceitação

  • A Mariana começou com a Clamarroca Plus na internet...

    A Mariana começou com a Clamarroca Plus na internet...

  • ... mas hoje a marca já faz tanto sucesso que conquistou o seu próprio espaço em São Paulo

    ... mas hoje a marca já faz tanto sucesso que conquistou o seu próprio espaço em São Paulo

  • A Mariana é a maior prova de que padrões foram feitos pra serem quebrados, né não?
  • As camisetas da marca da Mariana contam com várias mensagens de autoaceitação
  • A Mariana começou com a Clamarroca Plus na internet...
  • ... mas hoje a marca já faz tanto sucesso que conquistou o seu próprio espaço em São Paulo

Uma relação que vai muito além da moda

Com uma mensagem de acolhimento e levantando a bandeira da auto-aceitação (afinal, você é mesmo linda do jeitinho que é!), a Mariana lançou um tempo depois a sua marca de jeanswear, a Clamarrroca Plus. Voltada pra quem tem o manequim entre 46 e 60, a marca foi uma daquelas que começou online, depois ganhou as feiras de moda plus pela região e conseguiu conquistar o seu próprio espaço físico. E, segundo a Mariana, o resultado tem sido só positivo até agora. “A gente tem um formulário de cadastro que tem uma perguntinha final ‘faltou algo que você procurava?’. A resposta, na maioria das vezes, é não - muitas vezes acompanhada de uma carinha feliz ou um coração. É amor, né?”, disse. Se isso não for, a gente não sabe o que é <3

A própria Mariana entende bem do assunto, porque ela mesmo já sentiu “fora do padrão”

Sem sombra de dúvidas, um dos motivos da marca continuar crescendo é porque a própria dona dela já passou por muitas coisas que as clientes também passam. Mesmo sendo bem resolvida em relação ao corpo, a Mariana fez dieta “por 29 dos 31 anos” dela. “Até entender que meu corpo não era e não seria padrão, sempre pensava duas vezes antes de comer algo ou me sentia culpada”, contou. Hoje ela se exercita, dorme bastante e tenta cada vez mais ser a melhor versão dela mesma. Aquela mulher que antes apenas se curtia, agora se ama completamente e tá inspirando outras a fazerem o mesmo: “Passei a vida toda me planejando, esperando o "quando eu estiver magra" e esse dia não chegou porque eu SOU gorda, não estou gorda”, disse.

Achar uma roupa que veste bem é uma sensações ma-ra e o mesmo pode ser dito pra um corte de cabelo. Pra saber qual o melhor comprimento pra você, dá só uma olhada nesse teste que pode ser feito em 5 segundos e vai te dizer se um corte curtinho favorece o seu rosto.

Publicado por: Carolina Prado

Publicado em: Sexta-feira 28 de julho de 2017 - 16h06

Destaques da Semana

Escolha o seu humor do dia e veja as dicas para ficar sempre pronta!

  • Me Achando
  • De Boas
  • Precisando de uma força
  • Tensa

#GarnierBrasil

GarnierBrasil
Ir para o topo